taxa de gravidade

Taxa de Gravidade | Questão Comentada – Petrobrás 2017

Dica: Os acidentes de trajeto devem ser tratados à parte, não sendo incluído no cálculo usual das taxas de frequência e gravidade.

Taxa de gravidade

É o tempo computado por milhão de horas-homem de exposição ao risco, em determinado período.

Tempo computado = dias perdidos + dias debitados.

Dias perdidos = dias de afastamento do trabalho, em virtude de lesão pessoal.

Dias debitados = dias que se debitam, por incapacidade permanente ou morte, para o cálculo do tempo computado.

  1. (CESGRANRIO/PETROBRÁS/TÉCNICO DE SEGURANÇA JUNIOR/2017) No ano de 2016, em uma refinaria de petróleo, ocorreram 10 acidentes de trabalho. Desses acidentes, 4 deles foram com lesão com afastamento e 6 com lesão sem afastamento.

A seguir apresentam-se os dados estatísticos publicados:

Sabendo-se que foram trabalhadas 2.000.000 horas no ano, a taxa de gravidade no período foi:

a) 10

b) 900

c) 3.000

d) 3.900

e) 3.910

COMENTÁRIOS:

Dados:

  • Dias perdidos = 5 + 15 = 20
  • Dias debitados = 6.000 + 1800 = 7.800
  • HHT = 2.000.000

Então fica:

(7.800 + 20) * 1.000.000 / 2.000.000

7.820.000.000 / 2.000.000 = 3910

Veja os cálculos abaixo:

Dica: Elimina-se a mesma quantidade de zeros, no divisor e dividendo, para facilitar o cálculo.

taxa de gravidade

GABARITO: LETRA E

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.